terça-feira, 31 de dezembro de 2013

DEUS É O SENHOR DA HISTÓRIA



         Finalizamos mais um ciclo e iniciaremos em breve outro. Um ano finda e outro começará. Teremos dia e meses, horas e minutos e fatos, vários fatos. Uns que se repetem ano após anos. O trabalho, as doenças, o nascimento, a morte. E outros que voltam como em ciclos. Em 2014 teremos eleições no Brasil para presidente governadores. Sediaremos a copa do mundo. A  nível pessoal cada um terá algo diferente a fazer em meio á rotina de todos os anos, E assim os tempos mudam e a vida continua. E no desenrolar dos fatos vivemos como se a história e o mundo fosse uma sucessão de acontecimentos ligados ao acaso sem objetivos e sem fim, ou melhor, com um fim meramente pessoal, individual ou social; é alguém que morre, uma nação que desaparece, uma potencia que surge...

         Para os cristãos há um Deus pessoal que conduz a historia. Que se importa com a criação e com cada pessoa individualmente. Não é uma energia, não é o universo personalizado, não uma é força. É uma mente onisciente, onipresente e uma vontade poderosa. É mais complexo e ao mesmo tempo mais simples que o mais potente computador. Ele cria, matem e eleva ao objetivo final toda a criação e todos os acontecimentos. Nem se quer uma folha  cai, sem que não tenha recebido dele a possibilidade para cair. Passado, presente, futuro, todo acontece perante Ele num eterno Agora. Nenhum fato há que escape à sua determinação e não há  nenhum erro para o qual ele não tenha concerto. Na verdade os próprios erros já foram todos previstos por ele e para cada erro natural Ele predeterminou  uma solução. Ele criou todas as coisas para que chegassem no tempo, ao que ele sempre quis e tudo se fará conforme ele determinou.

         Os homens vivem como se apenas eles fizessem a história e pensa que Deus os abandonou. Que eles mesmos são capazes de mudar por si mesmos os rumos dos fatos. Mas Deus é o Senhor da história e ele pertence os acontecimentos do mundo. Percebemos apenas os movimentos das peças como num jogo de bilhar, mas não conseguimos ver quem está por traz dos tacos. Quem mobiliza as peças. Deus esconde-se nas coisas criadas, mas deixa sinais de sua presença. Não os enxerga quem está ofuscado pelo orgulho.
         Que neste novo ano prestes a começar, a vejamos  com tranquilidade os fatos e acreditemos que só Ele é capaz de fazer nova todas as coisas.
Bem vindo 2014! Que se faça a vontade de Deus.

Nenhum comentário:

Postar um comentário