terça-feira, 30 de novembro de 2010

CONHECENDO A REGRA DE SÃO BENTO


"Nada antepor ao amor de Cristo que nos conduz juntos para a vida eterna." RB 72,11-12
A amor de Cristo nos impele (2Cor 5,14) escreveu o Grande apóstolo dos gentios São Paulo. Só o amor que temos a Cristo e que pelo Espírito Santo foi nos dado em nosso batismo e na crisma nos faz preferir a Cristo antes que a qualquer lei ou autoridade. Na verdade se obedecermos as autoridades e servimos aos outros é no amor de Cristo que o fazemos. Porem quando uma lei promulgada ou doutrina é ensinada que se coloca contra Cristo e sua doutrina vale a máxima do Apóstolo São Pedro. "Devemos antes OBEDECER A DEUS que aos homens (At 5,29). São Bento colocou como fundamento de sua Regra monástica a obediência plena a Cristo e nos apresentou os meios. Oração contrita, serviço humilde e prontidão em obedecer aos que foram instituídos como chefes visíveis por vontade de Deus. Porem conhecedor da natureza humana e sabendo que muitas vezes quem é constituído autoridade pode se encher de soberba e mandar fazer coisas que não sejam da vontade de Deus, alertou para que o abade nada fizesse que fosse pecado ou contra a lei de Deus."Por isso o Abade nada deve ensinar ou mandar que esteja fora do preceito do Senhor" RB 2,4 Santa Joana d´Arc compartilhou dessa deste mandamento expresso na Regra "Nada antepor ao amor de Cristo" embora não tenha sido monja. Para ela importava servir a Deus primeiro e por amor a Deus aos homens na medida em que eles fossem fiéis a Deus e não buscasse para si mesmos a honra devida só a Deus. O Amigo da Realeza de Cristo tem este mesmo lema "Nada antepor ao amor de Cristo" Ele tem o Senhor como seu único soberano e ao ama-lo, ama os que ele ama e na perseverança neste amor a Cristo, aquele que o conduz com os irmãos na mesma fé para a Vida eterna, o obedece prontamente e com grande alegria.

Nenhum comentário:

Postar um comentário