sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

A DIGNIDADE DA NATUREZA HUMANA


O mundo hoje retornou as condições semelhantes que tinha o mundo antigo e pagão no que se refere aos costumes éticos e morais. Embora se fale muito em solidariedade, direitos humanos e defesa da ecologia, nossa época tem se mostrado como aquela que mais viola a dignidade da pessoa humana pelo relativismo e também por retirar Deus da mundo social e político e colocar o humem com centro e razão de si mesmo. Sem Deus a criatura humana perde a referencia que mais confere valor e respeito à sua própria dignidade. Pois não só fomos feitos à imagem e semelhança de Deus, mas o próprio Deus por Cristo Jesus, homem e nosso irmão elevados a condição de filhos de Deus. Em Cristo fomos divinizados.Só o cristianismo dignifica e colcoa homem no alto mais alto grau de valor, pois este não é um meiro efeito do acaso nas leis de uma natureza cega e sem propósitos e tampouco um simples criatura criada pelos deuses para a sua satisfação ou para escraviza-los. Só o cristisnismo prega que o ser humano foi querido, predestinado por Deus a ser tornar deuses ou filhos de Deus elevando sua natureza mortas à glória da divindade. Pois como afirmou o papa são Leão Magno "O Filho de Deus se faz homem para que os homens pudessem se tornar filhos de Deus."
Porem os que veem o homem com o fim em si mesmo são estes que o rebaixam a uma simples peça do universo se destino nenhum neste mundo não ser a morte. Nenhum religião professa e prega que a própria divindade manifestou-se no mundo como uma criatura humana para por amor a esta criatura torna-la participante da natureza divina. Só o cristianismo nos mostra toda a grandeza que Deus quis conferir ao seres humanos sem que houvesse nenhum merecimento por parte dela. Como escreveu o apóstolo São Paulo na carta aos Colossences "Deus nos retirou do império das trevas e nos transportou para o Reino de sue filho bem amado no qual temos a Redenção e o perdão dos pecados."Cl 1, 13 Que outra criação sobre a terra mostra o próprio Deus voltado para elevar a dignidade de filhos de Deus suas misérias criaturas. Se diante da divindade somos menos do que poeira? Queira Deus tocar coração dos homens deste século para que consigam enxergar como os olhos da razão que nenhuma outra fez nenhum humanismo ou concepção filosófica elevou a humanidade a uma condição tão alta e a tornou tão valioso perante todo o universo. Que neste natal perante o Deus que se fez carne a humanidade possa vislumbrar a nossa carne que se fez sagrada e participante da divindade, pelo amor do coração do nosso Deus, que enviou do alto a luz verdadeira que ilumina todos os que vêm a este mundo. Cristo Jesus o filho de Deus unigênito que está no seio do Pai e que nos veio nos revelar a grandeza do amor e da misericórdia de Deus para as suas criaturas. Glória a vós Senhor!Que nos amaste tanto e que nos fizestes por Cristo, teu filho, participantes da natureza divina.

Nenhum comentário:

Postar um comentário