segunda-feira, 15 de agosto de 2011

MARIA FOI ELEVADA AOS CÉUS! ALEGRAM-SE OS ANJOS. ALELUIA!



            Desde os primeiros séculos do cristianismo, o povo cristão celebrou  sempre esta festa  da dormição ou assunção da Virgem Maria;  como se sabe, ela celebra a glorificação, também no corpo, dessa criatura que Deus escolheu como Mãe do Cristo  e a quem Jesus na Cruz deu como Mãe para toda a humanidade. Assunção evoca um mistério que diz respeito a cada um de nós, porque, como o Concílio Vaticano II afirma Maria  "brilha na terra... Um sinal de esperança segura e de consolação para o Povo de Deus peregrino" (Lumen Gentium, n. 68 ). No entanto, tomado pelos acontecimentos de cada dia, às vezes pode se esquecer dessa realidade confortadora espiritual que constitui uma importante verdade de fé, assim como pode não ser assegurado que este sinal luminoso de esperança é cada vez mais claramente percebido por todos nós e por nossa sociedade contemporânea?

            Algumas pessoas hoje vivem como se nunca tivessem de morrer ou como se, com a morte, tudo terminasse outros, que sustentam que o homem é o único autor do seu próprio destino, se comportam como se Deus não existisse, e às vezes eles até chegam ao ponto de negar que há esperança para ele em outro mundo. No entanto, os avanços da tecnologia e da grande ciência que melhoraram consideravelmente a condição da humanidade deixaram sem solução o mais profundo anseio da alma humana. Abertura apenas para o mistério de Deus, que é Amor, pode saciar a sede de verdade e felicidade em nossos corações; apenas a perspectiva da eternidade pode dar autêntico valor aos acontecimentos históricos e, sobretudo ao mistério da fragilidade humana, do sofrimento e da morte. Contemplando Maria na glória celeste, entendemos que a terra não é a pátria definitiva para nós também, e que, se vivemos com o nosso olhar fixo em bens eternos, vamos um dia participar dessa mesma  glória. Conseqüentemente, não devemos perder a nossa serenidade e paz, mesmo em meio a milhares de dificuldades diárias. O sinal luminoso de Nossa Senhora arrebatada ao céu resplandece ainda mais brilhante quando as sombras tristes de sofrimento e violência parecem pairar no horizonte. Podemos estar certos disso: do alto, Maria acompanha os nossos passos, com preocupação, gentil, dissipa as trevas nos momentos de escuridão e angústia, tranqüiliza-nos com a sua mão materna. Suportados pela consciência disto, vamos continuar com confiança no nosso caminho de compromisso cristão lá onde a Providência pode nos levar. Vamos avançar em nossas vidas sob a orientação de Maria.·.

            Perguntaram a mim se os católicos "acreditam no arrebatamento." E a resposta é sim, mas crêem que também como doutrina revelada por Deus e obrigatória, que Maria foi arrebatada Antes da volta gloriosa de Cristo. Já que se deve admitir que pelo menos dois outros seres humanos foram  assumidos, em corpo e alma ao céu:
    
       Elias
       "E sucedeu que, quando o Senhor estava para tomar Elias ao céu num redemoinho ... E foram cinqüenta homens dos filhos dos profetas, e pararam defronte para ver de longe: e assim ambos pararam junto ao Jordão .... E aconteceu que, indo eles andando e falando, eis que, apareceu um carro de fogo, com cavalos de fogo, e separaram os dois pedaços, e Elias subiu ao céu num redemoinho .... O que vendo Eliseu, clamou: Meu pai, meu pai, carros de Israel, e seus cavaleiros. E não o viu mais ... " 2 Reis 2:1-12

Enoch

"Pela fé Enoque foi trasladado para não ver a morte; e não foi achado, porque Deus o trasladara; pois antes da sua trasladação alcançou testemunho de que agradara a Deus."
Hebreus 11:5
 Parece que o corpo de Moisés pode foi traduzido para o céu depois de sua morte.
 “Mas quando o arcanjo Miguel, discutindo com o Diabo, disputava a respeito do corpo de Moisés, ele não se atreveria a pronunciar um julgamento injúria contra ele, mas disse:" O Senhor te repreenda. '" Judas  01:09

            Assim, qualquer cristão bíblico deve admitir que é uma questão de revelação divina que Deus assumiu Enoch e Elias. Agora os católicos acreditam que é uma questão de revelação divina que Deus também levou o corpo e a alma de Maria ao céu. Além disso, Cristo estava obrigado a cumprir a lei com perfeição. E um mandamento da lei era  "Honrarás teu pai e mãe", e, portanto, honrou sua mãe , não permitindo que o seu corpo fosse corrompido e se tornasse pasto dos vermes.. Cristo não poderia  ver Enoch e Elias levados para o  Céu e então permitir que sua própria mãe a apodrecesses. A mulher que deu à luz cuidou dele, e ficou por ele durante a sua paixão e morte na cruz. A árvore bendita que gerou o bendito fruto de seu ventre. Ele mesmo, Jesus. Os católicos encontram uma simboliogia da  assunção de Maria  no Salmo 132:7-8
: "Vamos entrar em seus tabernáculos: vamos adorar escabelo de seus pés . Levanta-te, ó Senhor, em teu repouso, tu e a Arca da tua força.". Maria é a Arca da Nova Aliança (ver Apocalipse 11:19-12:01). O Senhor subiu ao céu e também trouxe sua arca, como o rei David assumiu residência em Jerusalém e levando a arca para o mesmo lugar. Observe que os católicos não falam da "Ascensão de Maria". Cristo ascendeu por seu próprio poder. Mas Maria foi assunta ou arrebatada, como o serão os vivos que estiverem na terra no dia da volta de Cristo. Estes não terão tempo para que os seus corpos se decomponham. “...Nós, os vivos, os que tivermos ficado, seremos arrebatados e reunidos aos ressuscitados, sobre as nuvens, ao encontro do Senhor.” 1Ts 4, 17.  Maria foi elevada ao céu pelo poder de Cristo. É dogma de fé, ou seja, é obrigado a todo católico crer e confessar que a Virgem Maria não teve o seu corpo decomposto ou desfeito em pó  e que está na glória junto a  Cristo em Corpo e alma.
Texto traduzido pela internet e adaptado pelo Prof. Francisco Castro encontrado no site. www.jehannedarc.org   

Um comentário:

  1. Gostei muito do seu blog,
    e já estou sendo seu seguidor,
    continue a levar a mensagem de Cristo a quem mais necessita.
    Visite-nos também:
    anderson.ribeiro18.blogspot.com

    Paz e bem!

    ResponderExcluir