quarta-feira, 5 de janeiro de 2011

CRISTO É O SENHOR DOS MORTOS E DOS VIVOS RM 14,9

"Foi para isto que Cristo morreu e ressuscitou. Para ser o Senhor dos mortos e dos vivos."Rm 14,9 Escreveu o apóstolo Paulo em sua carta Por esta afirmação entendemos que logo após a morte se dá a ressurreição da alma.Com efeito não teria sentido Cristo ser o Senhor de mortos caso eles não existissem mais. Mortos neste caso significa apenas os que deixaram este mundo e não os que estão inconscientes ou dormindo. A alma é preservada por Deus da morte física porque é imortal em sua natureza por esta ser de ordem espiritual mas porque é justo e digno que os bons sejam logo premiados pelo bem que fizeram e os maus punidos imediatamente após a morte pelo bem que praticaram como escreveu com muito acerto São Justino no século II.Alem disso a morte atingiu todo o ser humano: corpo e alma. Então esta também poderia morrer junto com o corpo. Mas Deus a preserva da morte em vista da justiça e mais ainda da Ressurreição. Com efeito se a morte destrói a alma a ressurreição seria a recriação do ser humano e não um reavivamento deste. Também a alma não se ver após a morte já no juízo final junto com todos os salvos. Isto seria criar dois mundos paralelos que nunca haveriam de se harmonizar nem no infinito . A eternidade pertence unicamente a Deus. Só Deus está fora do tempo porque ele mesmo é imutável. O tempo existe tanto para as pessoas na terra como para as alma no céu ou nos infernos. Por isto logo após a morte estaremos com Cristo e iremos morar junto do Senhor como está escrito também pelo Apóstolo Paulo.(2Cor 5,1-8) E por isto Cristo pode dizer ao ladrão arrependido." Hoje mesmo, estarás comigo no paraíso."( Lc 23,43) Nada escapa aos senhorio de Nosso Senhor Jesus Cristo. Quer neste mundo quer fora deste mundo pertencemos ao Senhor Jesus.

Nenhum comentário:

Postar um comentário