sábado, 23 de junho de 2012

IMAGEM RESUMO DA MARIOLOGIA


A Virgem Maria, Santíssima mãe de Nosso Senhor Jesus Cristo, é representada em milhares de imagens, que correspondem aos seus milhares de títulos que lhe dão.  Na Igreja Ocidental prevaleceu o Título de Nossa Senhora, associado aos lugares, em que Maria se mostrou visivelmente a alguma pessoa; seus privilégios, passagens de sua vida, e até mesmo a objetos relacionados com a mesma Virgem, como uma imagem inesperadamente encontrada (Exemplo: a Imagem Aparecida de N.Sra. da Conceição) e invocações conforme as necessidades do povo: saúde, enfermos, parto, desterro e muitos outros. Cada imagem simboliza um aspecto da vida de Maria Santíssima. Não são fotografias, já que não representam  unicamente, Maria de Nazaré, esposa de José e mãe do carpinteiro Jesus. Nem a sua fisionomia real. Os judeus não se deixavam pintar e também não há nenhuma descrição de como seria a mãe de Jesus fisicamente. Não sabemos a cor de seus cabelos, altura, cor dos olhos. Mas o importante é que estas imagens procuram traduzir de forma visível toda a riqueza espiritual da Mãe do Senhor. Foram inspiradas pela o que a Bíblia revela de Maria. Representam a mãe do Rei ressuscitado, a mãe do Filho de Deus. Elas Nasceram da fé católica. 

Dentre as milhares de imagens de Virgem Maria, qual delas resumem toda a mariologia ou toda doutrina católica sobre a mãe do Senhor Jesus? Há muitas que representam a mãe como filho nos braços; no ocidente aquelas em que Maria está sozinha, em oração, de mãos postas. Mas sempre falta um aspecto relacionado à Virgem Maria, como a serpente esmagada sob seus pés, indicado a imaculada Concepção; e nas outras falta a razão de toda a grandeza de Maria. O filho concebido em seio útero, a  quem o anjo disse que deveria ser chamado Jesus. Lc 2, 21 A imagem acima deste texto, mesmo ligada a uma espiritualidade particular, (A dos missionários do Sagrado Coração de Jesus), indica toda a mariologia católica. Primeiro a Maternidade divina, pois Maria traz em seus braços o Deus feito homem ainda criança; segundo a Imaculada Conceição , porque Maria, por Jesus, com Jesus e em Jesus, esmaga a antiga serpente, aquele que é chamada de Satanás, o diabo (Ap 12,9) sob seus pés; segundo a sua mediação eficaz junto a Jesus, porque segura o coraçao do filho, que nunca lhe recusará nenhum pedido, mesmo que ainda não tenha cegado a sua hora. (Jo 2,5) Na Bíblia, o coração simboliza a pessoa inteira, Sentimentos, emoções, vontade. Maria segura o coração de Jesus como a  dizer: "Eis o meu filho, a quem amo de todo coração. eu o entreguei a vós e ele vos entregou a mim." Jesus mostrando  o seu coração e com a outra mão, apontando Maria. nos diz. "Eis a serva do Senhor, feita mãe do Filho do Homem. Se quiserdes chegar ao  meu coração, olhai para ela e façam o que ela mandou em Cana. Tudo o que eu vos ordenar. Assim encontrareis repouso para vossas almas, porque eu sou manso e humilde de coração." Algumas imagens da Virgem mãe,  são coroadas, simbolizando a glória eterna, da qual Maria participa em plenitude única, tanto como redimida,  como mãe de Deus; a mais próxima da criaturas junto a Santíssima Trindade e a mais proxima a nós por sua pura humanidade. Símbolo da Igreja Triunfante, representada no Apocalipse por uma mulher corada de estrelas. Ap 12,1 Certas imagens trazem ao redor da cabeça um arco de doze estrelas.

Percebemos que estes símbolos  estão presentes nesta imagem foram inspirados todos nas Sagradas Escrituras. Maria como Jesus nos braços ainda criança, remete a Lucas 1 e 2  e a Mateus 1 e 2 A mulher, inimiga eterna da serpente, por sua descendência, esmaga a cabeça desta e nos recorda Gênesis 3, 15 e a coroa,  na cabeça ou  halo com estrelas nos lembram mãe do messias, a grande dama , que junto aos filhos, reinavam como Reis de Israel e Apocalipse 12, 1. Esta estátua de Maria foi criada pelo Fundador dos Missionários do Sagrado Coração, Pe. Chavalier, para venerar Maria, conforme a espiritualidade da Congregação.  Porém,  a mesma resume toda a mariologia, segundo a doutrina católica, pois nesta estão simbolizados todos os privilégios de Maria e principalmente a sua maternidade divina, de modo que eu não encontrei na iconografia de Mariana outra imagem mais completa. De certo poderíamos dize sobre esta imagem de Nossa Senhora. Eis  Maria, Mãe de Deus, nosso Salvador Jesus, aquela que por sua descendência esmagou a a cabeça da serpente e que como mãe, nos foi dada pelo coração que tanto amou os homens, no alto do calvário. "Eis aí tua mãe!" Como  o discípulo amado, acolhamos  esta mãe  em  nossa casa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário