sábado, 7 de junho de 2014

Maria, Rainha dos Apóstolos?




     À primeira vista este título parece forçado. A Mãe de Jesus não pregou sobre Jesus e nem foi enviada para pregar. Nem se quer acompanhava Jesus com as santas mulheres que o assistiam. (Lc 8,2-3) Como poderia ser a mais importante e a maior de todos os Apóstolos? Considerando as narrativas da Encarnação do filho de Deus nos Evangelhos de Mateus e Lucas, entendemos que Maria foi a primeira, a saber, quem era Jesus e para  o que ele tinha sido enviado por Deus. Conforme Mateus ele, concebido pelo Espírito santo havia sido mandado por Deus para salvar o povo de Israel de seus pecados.(Mt 1,21) Em Lucas é anunciado a Maria que ele é o Messias herdeiro do trono de Davi, o Filho de deus, o Santo, o Rei de u reinado eterno.(Lc. 1,26-38) Embora Ela não soubesse de que forma ele iria desempenhar sua missão e ainda não fosse claro como seria a sua vitória sobre o pecado   e como ele receberia o seu Reino de Deus. Isto Maria soube aos poucos, iluminada pelo Espírito Santo.
         Considerado à luz do mistério da Encarnação do Verbo Eterno, o titulo Rainha dos Apóstolos tem um grande significado. Deus quis enviar o seu Filho feito de mulher, (Gl. 4,4) para que por meio dela o desse ao mundo. Quis que por meio dela João  o profeta, fosse cheio do Espírito Santo desde o ventre materno (Lc. 1,15.41) e que através dela os pastores e os magos adorassem Jesus. Nas bodas de Caná Maria se torna Eco da voz do Pai e como este na transfiguração (Mc 9,7) diz aos apóstolos “Fazei tudo o que ele vos disser,”(Jo. 2,5) antecipado desta forma a hora de Jesus e induzindo este a manifestar a sua glória para que os discípulos cressem.
         Este título indica que Maria não ordem do tempo foi a primeira apóstola de Jesus no sentido de trazê-lo aos homens. Dá-lo ao mundo. E a primeira a anunciar Jesus por sua fé obediência, a todos aos homens. Por isto ela está entre apóstolos e é a única pessoa mencionada nominalmente, além dos 12 no dia de pentecostes. (At 1,14) Os mesmos se encontravam com a as mulheres e com Maria, a mãe de Jesus amais fervorosa a e a mais dedicada de todos eles à causa de sue Filho. Por isto a Igreja a invoca com Rainha dos apóstolos na ladainha Mariana. Que a seu exemplo e sustentado por sua intercessão sejamos verdadeiros apóstolos de Cristo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário